O MCU começou, mesmo que por acidente, com o Homem de Ferro de 2008, sendo graças ao talento de Robert Downey RJ. Ele apresentou ao mundo um personagem de segundo escalão da Marvel Comics e o tornou um astro de primeira grandeza no MCU. Tony Stark era egoísta, egocêntrico e arrogante, mas tinha uma coisa que Downey emprestou a ele que caiu como uma luva, carisma. Ele poderia ser tudo isso, mas também era engraçado, sabia ser agradável quando necessário. E deste quando ele é preso na caverna até dizer a icônica frase “Eu sou o Homem de Ferro”, ele cresceu, evoluiu muito mesmo, e foi evoluindo durante toda a sua trajetória no MCU. E acompanhamos seus dramas, suas vitórias e derrotas. Graças a isso, ele se tornou a estrela, o líder do Universo Marvel Cinematográfico. Mas infelizmente Tony Stark morreu. E quem poderia substituí-lo? Steve Rogers.

O Capitão América acabou sendo o co-protagonista desse universo, sempre batendo de frente com Tony, e esse embate foi o que fez ambos serem personagens cada vez melhores. Até ter o racha entre eles em Capitão América: Guerra Civil e eles só voltaram as boas em Vingadores Ultimato. Mas o problema é que o Capitão América se aposentou, aparecendo idoso após voltar do passado. Neste caso quem poderia substituir os dois primeiros Vingadores?

A Marvel contratou Brie Larson como a Capitã Marvel, a fez a personagem mais poderosa do MCU e disse que ela iria ser a nova estrela desse universo. Mas uma vez mais houve um problema. Embora seja ótima atriz, ela ganhou o Oscar de melhor atriz por O Quarto de Jack em 2016, a Capitã não agradou a maioria. Ela mostrou uma Capitã Marvel arrogante e cheia de si. Na verdade, em seu próprio filme, não houve uma evolução da personagem. Sua história não foi tão bem “resolvida” como a de Tony. Enquanto Stark tinha muito carga para resolver, com o problema de sua consciência que começou a pesar por ele ser o principal fornecedor de armas do mundo, além dos problemas antigos com seu pai, o problema de Carol Danvers era a descoberta de sua identidade. Mas a jornada dela não nos fez ter a mesma empatia que tivemos com Tony.

Capitão América, Thor e Homem de Ferro formam a Trindade da Marvel

Houve muitas fãs que reclamaram que as crísticas contra a Capitã foram injustas, já que Tony era tão arrogante quanto ela ou pior. Mas a verdade é que ele tinha carisma, a arrogância era visivelmente uma máscara para esconder suas inseguranças e demônios interiores. E ele era humano, sem poderes e nos identificamos com ele. Carol é arrogante e a mais forte do MCU. Praticamente um Deus. E isso não causa empatia. Veja o Superman, mesmo todos reclamando que ele é o escoteiro, ele é humilde mesmo sendo o mais forte do Universo DC. Agora se ele fosse como Carol, teria o mesmo problema que ela. E depois de terminar seu filme, ainda não temos uma conexão com Danvers, não houve evolução em relação a ela, continuou apenas uma superpoderosa arrogante. E a participação dela em Vingadores Ultimato foi tão reduzida, que não houve como contar um arco dela, não teve nada a acrescentar a sua personalidade.

Então a Marvel deveria se virar para o Vingador que é tão importante quanto Stark e Rogers. O Poderoso Thor, que fecha a Trindade da Marvel. Depois de dois filmes onde o tom do personagem não tinha sido acertado, o terceiro conseguiu finalmente dar a ele uma personalidade. Com muito humor e sacarmos, Thor se tornou, graças ao carisma de Chris Hemsworth, um dos três mais importante herói do MCU. Navegando entre o drama e a comédia, Thor é a cara do Marvel. Mais que qualquer outro que ainda está ativo neste universo. E é um personagem tão rico que os diretores de Ultimato ainda fizeram a piada dele ser gordo. Embora muitas fãs terem ficado revoltadas por ele ter perdido o físico marombado, ele deu show ao ser o Thor desleixado, bêbado e abobalhado. Não tem com não ri toda a vez que ele aparece.

Thor em cena cômica com Rocket. O Deus do Travão consegue interagir com todos os outros personagens da Marvel facilmente

Mas quando ele entrou na batalha contra Thanos, não deixou a desejar. Mostrou que era o Deus do Trovão, embora já houvesse mostrado em Vingadores: Guerra Infinita e principalmente em Thor: Ragnorak. Thor é um dos personagens mais poderosos do MCU, ele mostrou que é mais que apenas seu martelo, ao lutar com Hulk em Ragnorak. É poderoso, não é arrogante, aprendeu a ser humilde rapidamente em seu primeiro filme, é ao mesmo tempo herói e alivio cômico. Tudo leva a crer que embora tenha sido confirmado um novo filme seu, pode ainda aparecer em Guardiões da Galáxia Vol 3 e ter mais embates cômicos com o Peter Quill de Chris Pratt.

Se a Marvel souber explorar mais histórias do Deus do Trovão, e eles sabem, fazendo o que fizeram com Tony, com participação em outros filmes, até mesmo o tornando líder dos Vingadores, será muito interessante. Afinal, ele, como já falou em Guerra Infinita, tem 1500 anos, já lutou com mais do dobro de inimigos desse número, além de ter sido treinado para ser um guerreiro e general. Desse modo, podemos ver que ninguém tem mais experiencia que ele nos campos de batalha. Ele tem toda as qualificações para ser o líder.

Thor gordo foi a maior piada do Ultimato. Mesmo assim, lutou muito bem contra Thanos

Ao querer escolher uma nova personagem para ser o rosto do MCU, o Marvel Studios ainda não teve exito, mas já tem o Thor para esse papel. Só falta explorar isso. Desse modo, ao tirar o holofote da Capitã Marvel, ela poderia ser melhor trabalhada para, após Chris Hemsworth também se aposentar, vir a ser finalmente a nova estrela da Marvel no cinema. Ela tem essa possibilidade, tanto a atriz quanto a personagem, mas não é agora. Até mesmo com a nova Thor entrando agora no MCU, o Thor pode dar voos diferentes nas histórias cósmicas da Marvel. E se Jane Foster se tornar a nova estrela da Marvel após a aposentadoria do Thor? As possibilidades são muitas, mas agora é Thor o personagem que deveria ser promovido a representante do MCU. Quem sabe a Marvel não perceba isso?

Foi somente em Thor: Ragnorak que o Deus do Trovão teve sua personalidade consolidada. Interagindo com o Hulk, mais uma vez prova que consegue trabalhar junto com qualquer personagem
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.