O Incrível Hulk é um dos personagens mais poderosos da Marvel Comis, já lutou com deuses, monstros e uma infinidade de adversários e teve versões suas cada vez mais poderosas. Quando chegou ao MCU, no filme Incrível Hulk, seu alter ego foi interpretado por Edward Nortan e mostrou um Hulk muito poderoso, enfrentando um Abominável, tão poderoso quanto. Mas como o filme não foi um sucesso e com a saída de Norton, o Marvel Studios reformulou o Gigante Verde, dessa vez com Mark Ruffalo como Bruce Banner, para o filme os Vingadores de 2012.

O Hulk se mostrou uma máquina de destruição, com uma força absurda. A sua primeira aparição no filme mostrou a dinâmica entre Hulk e Banner, onde, quando transformado por causa do estresse, o Verdão era incontrolável e atacava qualquer coisa que se mexia. A luta com o Thor foi emblemática, mostrando que Thor, na mão, não conseguiria vencê-lo. E a cena que o Asgardiano lança o martelo e o Hulk tenta pegá-lo e não consegue, forçando para levantá-lo, foi como se estivéssemose lendo uma HQ das antigas do Verdão.

Hulk e Thor lutam, mas o Verdão não consegue levantar o martelo

Quando o Hulk finalmente retorna, descobrimos que Banner pode se tornar o Hulk quando quiser. Com a transformação sendo voluntária, ele consegue dar “uma direção” ao Gigante, ou seja, ele não fica uma máquina destruidora, ele se torna mais consciente e ajuda os Vingadores, até seguindo as ordens do Capitão América ou salvando, por iniciativa própria, o Homem de Ferro que caía do portal dos Chitauris. Mas seu poder foi demonstrado logo quando Banner se transforma, ao parar com um soco o Leviatã do qual Stark estava fugindo. Ali, já sabíamos que o Verdão era o mais poderoso. E o próprio Stark já falava isso ao Loki, quando o vilão diz ” Eu tenho um exercito”, do qual Stark emendava ” Nós temos o Hulk.”

Desse modo, o filme apresentava o Incrível Hulk como o mais poderoso herói do MCU, além de mostrar a importância dele. O Hulk foi o destaque e levou o público ao delírio em suas cenas de ação e ainda havia bastante humor. Foi um dos personagens mais bem aproveitado. Até nos fez esquecer do fraco Hulk de Norton.

Enquanto Loki cartava que tinha um exercito, Stark dizia” Nós temos o Hulk”

Quando o Gigante de Jade retornou, em Vingadores: A Era de Ultron, uma das lutas mais aguardadas pelo público finalmente aconteceu. A luta do Hulk contra o Homem de Ferro usando a armadura Hulkbuster foi pura HQ da Marvel. Com uma armadura projetada para lutar contra o Hulk, havia hora em que Stark parecia estar na vantagem, e em outra, o Hulk parecia que iria esmagá-lo. Somente o fim da luta foi meio anti-climático, pois o Hulk estava mais calmo, sem ser controlado, e, com um soco, Stark o nocauteou.

Uma das melhores lutas do MCU foi Stark usando o Hulkbuster vs o Hulk

Mesmo assim, na batalha final, Hulk chegou destruindo e mostrou porque é temido por todos, embora não teve tanta luta quanto no primeiro Vingadores. Mas ainda assim teve o destaque de dar a última sova em Ultron antes de Visão destruí-lo. Depois disso, o mostro verde voltaria em Thor: Ragnarok, e descobrimos que já foi dois anos deste que Banner se transformou no Hulk e novamente enfrenta o Deus do Trovão. E a luta, mesmo sem o Mjolnir, o martelo de Thor é bem equilibrada, mostrando que o Asgardiano tem quase tanta força que o Verdão, mas sua vantagem está em sua agilidade e treino de combate. E ele ainda quase vence o Gigante com seu poder recém-descoberto, só não venceu porque o Grão-Mestre trapaceou e o fez ser nocauteado. No fim, quando o Hulk voltou a luta, mostrou que ainda era o mais forte e só não continuou o ataque contra Surtu porque Thor o impediu.

E mais uma vez Thor luta contra o Hulk

Mas aí volta o Gigante Verde em Vingadores: Guerra Infinita. E logo no início do filme, o Hulk se joga contra o Titã Louco, Thanos. Só para levar uma surra humilhante, onde alguns golpes em uma luta de poucos segundos mostra o Hulk caído, quase desacordado. Neste momento, Heimdall o manda para a Terra e quando chega lá, volta a ser Banner. E não vimos mais o Verdão durante todo o filme. Parecendo um desapreço ao personagem, os fãs se revoltaram e muitos ficaram muito decepcionados com o tratamento dado ao Hulk. Até teve alguns que defenderam que somente porque estava com a joia do poder, Thanos conseguiu vencer o Gigante Verde com tanta facilidade. Mas os diretores, os Irmãos Russo, jogaram por terra essa teoria e falaram que o motivo da humilhação era para mostrar que ele era a maior ameaça do universo e mostrando a derrota do Hulk pela mãos de Thanos, ficaria claro.

Não se engane, o Hulk apanhou de forma humilhante, que nem quis voltar mais para o filme

Os fãs não compraram essa ideia e esperavam uma revanche do Gigante contra o Titãs. E ela não veio. Em Vingadores Ultimato, Banner e Hulk entram em “acordo” e tornam-se um só, o Banner com o poder do Hulk, o melhor dos dois mundos. Tanto que o Hulk ficou com a cara do Banner, sua voz e inteligencia. E estava um pouco menor do que o Hulk original. Nos quadrinhos, isso ocorreu e ele era chamado do Professor Hulk, mas mesmo com a clara referência, aqui os diretores o chamaram de Hulk Smarth (inteligente). Infelizmente ele era muito poderoso, mas não gostava de violência e participou mais como cientista do que de combatente. Mas teve papel importante na trama, sendo o responsável para conseguir a joia do tempo com a Anciã. E a convenceu a dar-lhe a pedra somente com argumentos. Depois foi o responsável em usar a manopla do Infinito para trazer de volto todos que tinham sido apagados por Thanos. Se ele não tivesse feito isso, os planos dos Vingadores teriam ido por água a baixo e Tony não teria se sacrificado para derrotar o Titã.

Sou o Hulk com 7 PhDs

Vendo assim, o Hulk foi até mais importante que Tony Stark, pois dificilmente o Thor estaria em forma para aguentar o poder da Manopla. O próprio Hulk acabou com o braço inutilizado, negro e magro, o que o tirava de vez de uma luta contra Thanos. E mesmo com a importância que ele teve na trama, o que todos mais queriam acabou não acontecendo, a revanche.

Eu particularmente esperava que houvesse uma luta digna do Hulk, onde, depois de um embate titânico, o Hulk mostraria toda sua força e derrotaria o Thanos. Mas a honra ficou com os três principais, a trindade do MCU, Capitão, Homem de Ferro e Thor. E o Hulk acabou indo para escanteio.

Hulk acabou com o braço inutilizado e não teria como enfrentar Thanos

Honestamente não gostei da saga do Hulk nos dois últimos filme dos Vingadores. Mesmo com Kevin Feige já falado que a personagem mais forte do MCU era a Capitã Marvel, fiquei achando ela até exageradamente forte. Como o MCU não é idêntico ao universo das HQs, muitas mudanças aconteceram entre os personagens. Mas enquanto o Hulk foi derrotado em segundos, se não fosse as joias, ficou claro que Thanos não seria páreo para a Capitã quando ele a acertou com uma cabeçada no qual Carol só olhou como se tivessem cutucado sua testa.

E falando em diferenças, o problema do Hulk ao meu ver foi o tratamento dado ao seus poderes. Nos quadrinhos, o Hulk fica mais forte do que já é quanto mais raiva ele tem. Então ele pode chegar a uma força quase infinita. Outra coisa é que foi acrescentado a ele um fator de cura, que se algo consegue ferir sua pele invulnerável, ele se cura tão rápido quanto o Wolverine. Mas nenhum desses poderes foram apresentados no MCU. Talvez porque o Hulk não tivesse um filme próprio onde pudessem trabalhar sua história melhor e seus poderes, ele ficou aquém do que poderia nos Vingadores.

Não tenho fator de cura, mas também não sou chegado em violência

Agora ficamos sem saber como ele será trabalhado no futuro. Os escritores já falaram que o problema no braço do Gigante é permanente, embora curá-lo não será um problema, basta o diretor arrumar uma justificativa, ou uma cura em uma máquina milagrosa normal do MCU ou finalmente dando o poder de cura para ele. De qualquer forma, o futuro do Gigante Verde é incerto, pois o Marvel Studios ainda não fez nenhuma declaração sobre se o Hulk irá retornar ao MCU, mesmo já tendo anunciado os próximos filmes. Não sabemos se Mark Ruffalo irá retornar, e se voltar, qual será o papel do Hulk na nova fase. Existe problemas legais com a Universal ( embora a Disney, proprietária da Marvel, tenha os direitos de produção, os direitos de distribuição ainda estão com a Universal. Ou seja, se a Marvel fizer um filme do Hulk, obrigatoriamente deve ser distribuído pela Universal, e a Disney tendo sua própria distribuidora, não quer isso). Então a Marvel não irá fazer um filme do Hulk. Se o Gigante vai voltar, nem o Mark Ruffalo, que é o rei dos spoilers, disse alguma coisa até o momento.

Então, caso o Hulk não retorne, será uma despedida decepcionante para um dos mais poderosos heróis da Marvel, mas caso retorne, esperamos que os próximos diretores aproveitem o potencial dele e faça justiça a sua imagem, sendo ele o Hulk clássico ou o Hulk inteligente. O mais importante é ele ser o Hulk e deve fazer o melhor que ele faz, esmagar.

Que mané inteligente, quero é esmagar
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.